Arquivo

FSNH publica edital com 225 vagas de todos os níveis


via Byline

Fundação de Saúde Pública de Novo Hamburgo – FSNH tem edital com 225 vagas, além de formação de cadastro reserva, para todos os níveis de escolaridade e os salários variam de R$ 824,26 a R$ 3.248,36 de acordo com a função exercida. Há vagas para auxiliar de nutrição, auxiliar de serviços gerais, cozinheiro, agente de [...]




FGV: Conheça o estilo da banca e fique por dentro!


via Byline

fgv

Responsável por realizar concursos de câmaras municipais, prefeituras e secretarias e também o Exame de Ordem dos Advogados do Brasil, a Fundação Getúlio Vargas (FGV) é uma banca que não segue padrões, sempre vem com uma surpresa para o candidato.

A FGV aplica concursos federais que concentram grande quantidade de candidatos por seleção. As provas, tradicionalmente, contêm longos textos que podem ser cansativos aos menos preparados. Da mesma forma, as provas costumam cobrar itens que estavam no rodapé dos livros. Por isso, estude cada matéria do concurso de forma abrangente, cobrindo todos os itens do edital; mesmo que, aparentemente, sejam supérfluos.

Histórico

A Fundação Getulio Vargas surgiu em 20 de dezembro de 1944. Seu objetivo inicial era preparar pessoal qualificado para a administração pública e privada do País. Na época, o Brasil já começava a lançar as bases para o crescimento que se confirmaria nas décadas seguintes. Antevendo a chegada de um novo tempo, a FGV decidiu expandir seu foco de atuação e, do campo restrito da administração, passou ao mais amplo das ciências sociais e econômicas. A instituição extrapolou as fronteiras do ensino e avançou pelas áreas da pesquisa e da informação, até converter-se em sinônimo de centro de qualidade e de excelência.

- Sobre as bancas

As bancas examinadoras são responsáveis pela elaboração, divulgação e organização do concurso público. Conhecer as particularidades de cada uma pode ser decisivo para o concurseiro conseguir alcançar sua tão almejada vaga, conhecendo seu estilo, exigência e níveis de dificuldade.

De acordo com alguns especialistas em concursos, para ser aprovado em uma seleção pública, não basta só focar na teoria. O mais importante, é a criação de uma grande intimidade com o perfil da banca organizadora. Por isso, separamos aqui as principais características da FGV Confira:

- Algumas provas de concursos públicos podem ser complexas com alguns itens de fácil compreensão, depende do nível de exigência do órgão que solicita o concurso;

- O candidato deve correlacionar itens da bibliografia que constam no edital, bem como comparar os principais pontos da matéria;

- As provas costumam ser de múltipla escolha, na qual requerem que o candidato assinale a alternativa correta, dentre cinco opções de resposta;

- Prova de Português contém algumas questões do Manual de Redação da Presidência e o restante está equilibrado entre interpretação de textos e gramática;

- De modo geral, a FGV cobra nomenclaturas em suas questões de provas;

- Na parte de Direito tem cobrado casos práticos e, questões multidisciplinares envolvendo também textos das leis.

 

Dica: Estude bastante o edital, não deixe nenhum item de fora. Pratique realizando um sistema de resolução de questões de várias bancas.

 

Confira abaixo algumas provas realizadas pela FGV:

Nível Médio:

 

Gran Sucesso e Bons estudos!

 

The post FGV: Conheça o estilo da banca e fique por dentro! appeared first on Gran Cursos Blog - O portal do concurseiro.




Alepi/PI: concurso depende de ajustes legais


via Byline

A realização do concurso público para jornalistas em diversas áreas na Assembleia Legislativa do Estado do Piauí (Alepi), anunciado pelo presidente da casa,...




Projeto cria 45 cargos de tecnologia da informação para TRT com sede em Brasília


via Byline


Agência Câmara Notícias     -     29/09/2014




Tramita na Câmara dos Deputados o Projeto de Lei 7927/14, do Tribunal Superior do Trabalho (TST), cujo texto cria 45 cargos de analista judiciário, com especialidade em tecnologia da informação (TI), para o Tribunal Regional do Trabalho (TRT) da 10ª Região, com sede em Brasília.

Os cargos serão preenchidos por meio de concurso público. Segundo o TST, os recursos financeiros necessários à efetivação dos novos servidores serão garantidos pela dotação orçamentária do TRT da 10ª Região, prevista no Orçamento da União.

O TST argumenta que a estrutura do TRT é carente de pessoal especializado na área de tecnologia da informação e que essa situação se agravou devido à implantação do processo digital em todas as unidades do primeiro e do segundo graus de sua jurisdição.

Tramitação

O projeto, que tramita em caráter conclusivo, será analisado pelas comissões de Trabalho, de Administração e Serviço Público; de Finanças e Tributação; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.





UnB: Saiu concurso para 221 vagas. 2º e 3º graus


via Byline

A Universidade de Brasília (UnB) vai realiza concurso para área de apoio, com oferta 221 vagas em cargos de níveis médio/técnico e superior. O vencimento...




Sefaz PE


via Byline

Hoje resolvo as questões da prova da Sefaz/PE. A banca ainda não disponibilizou o gabarito preliminar, então abaixo trago apenas as minhas respostas.

Como estou com pouco tempo disponível, vou direto para as resoluções, sem colocar os enunciados. Assim que a banca soltar as provas, altero esse post colocando os enunciados na íntegra, reanaliso se errei algo, e se cabe algum recurso.

11) No quadro abaixo tem-se o plano de amortização…

X é obtido pegando o saldo devedor do mês anterior e subtraindo a amortização do mês atual:

clip_image002[4]

Como as amortizações crescem em PG de razão 1,04, podemos calcular Z assim:

clip_image004[4]

W é a diferença entre a prestação e a amortização do primeiro mês:

clip_image006[4]

De modo que:

clip_image008[4]

Resposta: A

12) Um título de valor nominal R$ 1.196,00…

O período é de 2/3 de mês, a taxa mensal é de 6% e o valor nominal é 1.196.

Primeiro calculamos o desconto comercial:

clip_image010[4]

clip_image012[4]

Agora calculamos o desconto racional:

clip_image014[4]

A diferença entre os dois descontos é:

clip_image016[4]

Resposta: D

13) Uma pessoa tomou emprestada…

Novo fluxo de caixa:

clip_image017[4]

O valor atual desse fluxo é 5.000:

clip_image019[4]

Multiplicando todos os termos por 1,03^6:

clip_image021[4]

clip_image023[4]

clip_image025[4]

Resposta: B

14) Seja X uma variável aleatória com distribuição binomial…

Rejeitamos H0 caso obtenhamos 7, 8 ou 9 sucessos em 9 ensaios. A chance de isso ocorrer sob H0 é:

clip_image027[4]

clip_image029[4]

clip_image031[4]

Total:

clip_image033[4]

clip_image035[4]

clip_image037[4]

Resposta: A

15) Suponha que o número de pedido de empréstimos

Sabemos que:

clip_image039[4]

Logo:

clip_image041[4]

Dada a simetria da normal reduzida:

clip_image043[4]

Sabemos que:

clip_image045[4]

Quando Z vale -2,40, X vale lambd

clip_image049[4]

Chance de a distribuição de Poisson assumir o valor 4:

clip_image051[4]

Resposta: C

16) Com o objetivo de se estimar a renda média…

Primeiro calculamos a média da amostra:

clip_image052

clip_image054

O intervalo de confiança fica:

clip_image056

O escore da normal padrão vale 2,05, pois:

clip_image058

clip_image060

Logo, o intervalo de confiança fica:

clip_image062

O que nos leva a:

9,192; 9,848

Resposta: A

17) (É a das carinhas felizes e tristes. Vou esperar sair o pdf da banca para resolver a questão, o pdf escaneado que recebi está difícil de enxergar)

 

18) Um concurso público…

 

Suponha que os candidatos serão distribuídos por sorteio. Os 3 primeiros sorteados vão para Recife. Os dois seguintes para Caruaru. E assim por diante.

Permutando a ordem entre os 7, temos um novo caso. Logo, trata-se de permutação de 7 elementos, com repetição de 3 vezes Recife, e 2 vezes Caruaru:

clip_image064

Resposta: E

 

19) Um novo edifício…

Suponha que cada basculante transporte, por viagem, X toneladas de terra.

Assim, a quantidade de terra é:

clip_image066

Durante a obra, cada caminhão fará "Y" viagens. A quantidade de terra removida será:

clip_image068

Igualando essa quantia a 220X:

clip_image070

clip_image072

Cada caminhão fará 40 viagens.

Resposta: C

 

20) Em determinado setor…

Como Lígia dá plantão em 31 dos 61 dias, ela está presente em mais da metade dos plantões. Como ela não pode trabalhar dois dias seguidos, a única forma de ela fazer isso é se ela trabalhar dia sim, dia não, e, além disso, iniciar trabalhando dia 1/11 e finalizar trabalhando dia 31/12

Ou seja, Lígia vai trabalhar em todos os dias ímpares deste período (1/11, 3/11, 5/11, etc)

Sabendo disso, vamos às alternativas:

a) Incorreta. Já sabemos que Lígia vai dar sim plantão dia 31. E também dará no dia 25/12. Logo, é errado dizer que poderá estar de folga dia 25.

b) Errada. Lígia realmente estará de plantão dia 1/11, mas Marina não estará no dia 31/12, pois tal dia também é de Lígia.

c) Errada. Seria possível, por exemplo, termos:

2/11: Marina

3/11: Lígia

4/11: Roberto

d) Correta.

Roberto só pode ter seus plantões espaçados de uma quantidade par de dias, já que Lígia dá plantão dia sim, dia não.

Se ele der plantões de 2 em 2 dias, no dia 24/11 já terminam os plantões dele, e teremos o mês de dezembro inteiro sem plantão de Roberto.

Se ele der plantão de 4 em 4 dias, no dia 18/12 já terminam os plantões dele, e teremos todo o resto de dezembro sem plantão.

Se ele der plantão de 6 em 6 dias, então teremos vários períodos com 5 dias consecutivos sem plantão.

Se ele tentar misturar períodos com intervalos de 4 dias sem plantão com intervalos de 2 dias sem plantão, teremos uma mistura dos dois primeiros casos, e seus plantões se encerrarão em alguma data entre 24/11 e 18/12. Novamente teremos todo o resto de dezembro sem plantão.

Ou seja, de um jeito ou de outro, sempre haverá algum caso de 5 dias consecutivos sem plantão de Roberto.

e) Errada.

Poderíamos colocar Roberto dando plantão nos dias 2, 4, 6, 8, 10, 12, 14, 16, 18, 20, 22 e 24 de novembro. E Marina daria plantões nos dias pares daí para frente. Veja que ela terá ficado 26 dias sem dar plantão.




SES/DF: Divulgado gabarito do concurso para nível fundamental


via Byline

SES/DF-Divulgado-gabarito-de-concurso-para-nível-fundamental Atenção, concurseiro! Foi divulgado o gabarito nesta segunda-feira, dia 29, o gabarito preliminar do concurso da Secretaria de Saúde do Distrito Federal (SES/DF). A seleção ofereceu 400 vagas para nível fundamental. Verifique aqui seu desempenho nas provas objetivas aplicadas neste domingo (28/9).

- São 280 candidatos por chance. O posto que recebeu o maior número de inscritos foi o de auxiliar de saúde na especialidade de patologia clínica, com 51.182.

O concurso oferece, ao todo, 6.334 oportunidades, sendo 2.534 para provimento imediato e 3.800 para formação de cadastro reserva. Os salários variam de R$ R$ 1.697,25 a R$ 4.407,25. Para o nível fundamental, as chances são para o cargo de auxiliar operacional. Do total de chances, 160 são para provimento imediato e 240 para formação de cadastro reserva. Para participar foi preciso ter nível fundamental completo. A remuneração é de R$ 1.697,25 para jornada de 30h semanais. As áreas de atuação são: anatomia patológica (25), ortopedia e gesso (75), farmácia (125) e patologia clínica (175).

No dia 12 de outubro será a vez das provas para as áreas de farmácia e patologia clínica.

The post SES/DF: Divulgado gabarito do concurso para nível fundamental appeared first on Gran Cursos Blog - O portal do concurseiro.




PÍLULA PARA REGÊNCIA VERBAL! ;-)


via Byline

Salve, salve, meu nobre/minha nobre, concurseiros de plantão em geral!

Como todos vocês sabem, ando sempre à cata de uma boa dica para meus alunos estudiosos da Língua Portuguesa, pois, como sabemos, a cada concurso que aparece, ela tem sido diferencial absolutamente importante – tanto em questões objetivas como (cada vez mais!) nas questões subjetivas.
Vamos lá: REGÊNCIA VERBAL. O assunto em si é vastíssimo – no atual estágio evolutivo de nossa língua há hoje quase 12000 verbos. Eu poderia começar falando sobre o trabalho de vários mestres que, ao longo dos anos, dedicaram um esforço considerável para normatizar a sintaxe dos verbos da Língua Portuguesa: Laudelino Freire, Artur Torres, José Stringari, Francisco Fernandes (O CARA!!!) e, claro, Celso Pedro Luft. Todavia, ao analisar as provas dos concursos diversos, organizados pelas bancas mais comuns (CESPE, ESAF, CESGRANRIO, FUNCAB, CONESUL, FCC, CONSULPLAN, ETC), pude perceber que há algo em torno de quarenta ou cinquenta verbos recorrentes – aparecem com uma certa frequência e mais alguns (talvez uns quinze) que aparecem muito de vez em quando. Neste cenário, obviamente, seria um exercício de adivinhação – quiçá de certa inutilidade – tentar usar o excelente trabalho dos mestres citados; afinal, o que um concurseiro precisa é de algo mais pragmático, todos sabemos disso.
Parceiros, acho que foi pensando nisso que um grande amigo meu – gramático que começa a ficar renomado por aliar a profundidade do estudo da língua à praticidade exigida pelo nosso mundo dinâmico do concurso público – Prof. Fernando Pestana (autor de "A Gramática para Concursos Públicos), lançou um aplicativo para celular – sim, é isso mesmo! – sobre regência verbal. Pude analisar ao longo dos últimos oito dias e vi que funciona – bem! – e nele estão os tais verbos que citei como recorrentes, os que aparecem de vez em quando e, de lambuja, mais alguns. São oitenta verbos. Vale a pena instalar e, importante também para um concurseiro, é baratíssimo, menos de um dólar.
Fica a dica e, a quem interessar possa, posto aqui o link como uma boa dica. Assino embaixo!

Um grande abraço e até a próxima!!

AM Ben Noach
Não deixe de me adicionar no face e comentar o que achou desta dica: https://www.facebook.com/profile.php?id=100007081185254

Confira lá o aplicativo! https://play.google.com/store/apps/details?id=br.com.agiumsoft.dicionario

O post PÍLULA PARA REGÊNCIA VERBAL! ;-) apareceu primeiro em Blog Aprova Concursos.




Gabarito provisório do concurso Sefaz-PE: Legislação Tributária


via Byline

Este final de semana (27 e 28) teve prova co concurso da Secretaria da Fazenda de Pernambuco (Sefaz-PE). Enquanto o gabarito oficial não é divulgado, o professor Romero Auto fez um gabarito provisório da prova de Legislação Tributária.
Seguem abaixo os comentários do professor:
"ATENÇÃO!! TEM QUESTÃO PARA SER IMPUGNADA!! QUESTÃO SOBRE AS ALÍQUOTAS!! QUESTÃO NÚMERO 33 NO GABARITO ABAIXO.
AGRADECIMENTO ESPECIAL AO ALUNO Allan Maux por me mandar as imagens da prova. Valeu Allan.
21. Considere as situações a seguir:
I. A loja de Tecidos Luiz Gonzaga, do Município pernambucano de Exu, remeteu peças de tecidos com destino para sua filial do Município de Cabrobó, no mesmo Esatado;
II. …
….
Nos termos do Decreto nº 14.876/91 e alterações, é hipótese de não incidência APENAS o que consta em:
RESPOSTA: C (III – a fábrica de embutidos Paulo Diniz, de Pesqueira – PE, remeteu um lote de linguiça, com o fim específico de exportação para empresa comercial exportadora de Vitória – Espírito Santo).
22. Segundo o Decreto nº 14.876/91 e alterações, incide o imposto sobre a entrada, no território do Estado de Pernambuco, de energia elétrica e petróleo, inclusive sobre:
RESPOSTA: B (lubrificantes e combustíveis líquidos e gasosos dele derivados, quando procedentes de outra Unidade da Federação e não destinados à comercialização ou à industrialização, cabendo o imposto a este Estado).
23. Considere as seguintes afirmações:
I. Situação jurídica em função da qual deixa de ser exigido o imposto em relação à saída…
II. Situação tributária em que adia-se, para outro momento, indicado na legislação tributária específica…
III. Estabelecimento destinado à recepção e movimentação de mercadoria de terceiros, isolada ou conjuntamente com mercadoria própria, com a simples função de guarda e proteção.
De acordo com o Decreto nº 14.876/91…
RESPOSTA: C (suspensão, diferimento, armazém geral)
24. Considere as situações a seguir:
I. A fábrica de instrumentos musicais Nando Cordel, de Ipojuca – PE arremata
II. Empresa pesqueira de Cabo de Santo Agostinho…
III. Michael Sullivan, pessoa física, domiciliado em Recife…
IV. A fábrica de instrumentos musicais Nando Cordel, de Ipojuca/PE, emite nota fiscal…
V. Mercadoria interceptada em território pernambucano sem estar acompanhada de documento fiscal…
Não havendo previsão específica de desoneração na legislação pernambucana, implica obrigação de pagar ICMS ao Estado de Pernambuco APENAS o que consta em
RESPOSTA: A (III e V)
25. A Empresa industrial Metalúrgica Luiz Vieira, de Caruaru – PE, importou aço…
RESPOSTA: E (suspensão do ICMS).
26. Selma do Coco mantém, no Município de Vitória de Santo Antão – PE, uma empresa que industrializa e exporta cocada e água de coco. Encomendou…
RESPOSTA: E (A indústria de embalagens José Rico vende as embalagens com tributação normal; Selma do Coco se credita, vende água de coco com não incidência e terá direito à manutenção do crédito; as indústrias terão direito a crédito da energia elétrica consumida no processo produtivo e a empresa comercial terá direito a crédito da energia elétrica, na proporção das exportações sobre as saídas totais de mercadorias).
27. A empresa Indústria e Comércio de Perucas Michael Sullivan, de Recife – PE, revende mercadorias que importa da Itália e também fabrica perucas com matéria-prima que importa da Índia.
Conforme o Decreto nº 14.876/91 e alterações, aplicará a alíquota de 4% APENAS nas operações descritas em
RESPOSTA: D (V – vendas e remessa de perucas italianas para indústria de roupas de São Paulo – SP).
28. Considere as seguintes afirmações:
I. Será admitida a emissão de carta de correção…
II. Nas vendas à ordem ou para entrega futura…
III. Para fins de ICMS, considera-se estabelecimento o local, privado ou público, ….
IV. Considera-se responsável pelo imposto, na qualidade de contribuinte-substituto, o possuidor…
Conforme o disposto no Decreto nº 14.876/91 e alterações, está correto o que se afirma APENAS em
RESPOSTA: A (III e IV)
29. A indústria paulista remeteu a revendedor pernambucano produto de sua fabricação sujeito a substituição tributária das operações subsequentes na unidade federativa de destino. O valor da mercadoria é de R$ 15.000,00 além de Imposto sobre Produtos Industrializados no valor de R$ 3.000,00, totalizando R$ 18.000,00. Considerando que: ….
O valor do ICMS a ser retido do destinatário é, em reais,
RESPOSTA: B) R$ 3.846,00
30. A indústria de roupas Reginaldo & Rossi, de Recife – PE, transfere mercadorias…
RESPOSTA: D (é tributada e a base de cálculo é o custo da mercadoria produzida, assim entendido a soma do custo da matéria-prima, material secundário, mão-de-obra e acondicionamento).
31. Considere as afirmações a seguir, à luz da Lei nº 11.408/96. Está correto o que se afirma apenas em:
I . A fábrica de calçados Alceu Valença, de São Bento do Uma – PE, poderá se creditar do ICMS em aquisições de máquinas para o ativo fixo a serem…
….
RESPOSTA: B) III e IV.
Item III (A responsabilidade pelo pagamento do imposto (ICMS) poderá ser atribuída em relação ao imposto incidente sobre uma ou mais operações ou prestações, sejam antecedentes, concomitantes ou subsequentes, inclusive ao valor decorrente da diferença entre alíquotas interna e interestadual, nas operações que destinem bens e serviços a consumidor final localizado em outro Estado, que seja contribuinte do imposto)
item IV (No caso de substituição tributária de operações subsequentes, formulado o pedido de restituição e não havendo deliberação no prazo de noventa dias, o contribuinte substituído poderá creditar-se , em sua escrita fiscal, do valor objeto do pedido, devidamente atualizado segundo os mesmos critérios aplicáveis ao tributo).
32. A empresa atacadista Abelardo da Hora, de São Lourenço da Mata – PE, adquiriu mercadorias sujeitas à substituição tributária…
"De acordo com a Lei nº 11.408/96, lhe asseguram direito de restituição do ICMS do ICMS retido por substituição tributária , em seu valor total ou parcial, APENAS as situações:"
RESPOSTA: LETRA "C" – itens II, IV e V
II – vendeu, ao abrigo de isenção, para o atacadista Boto-Cor-de-Rosa, da Zona Franca de Manaus;
IV – Exportou para da mercadoria para o Suriname;
V – vendeu para consumidor final por valor inferior ao valor da base de cálculo do imposto anteriormente retido por substituição tributária.
33. Considere as seguintes situações: (ATENÇÃO QUESTÃO PARA ANULAÇÃO)
I – comerciante, com estabelecimento localizado na cidade de Petrolina/PE, efetua venda de mercadoria tributada, considera supérflua nos termos…
II – industrial, com estabelecimento localizado na cidade de Garanhuns/PE, efetua venda  de mercadoria tributada, não considerada supérflua, …
….
QUESTÃO DAS ALÍQUOTAS. PADRÃO DA RESPOSTA SERÁ LETRA "A" (12%, 17%, 28%, 17%, 25%), entretanto A QUESTÃO DEVERÁ SER ANULADA, pois está mal formulada. A questão se baseou no art. 23 da Lei nº 10.259/89, inciso I, que estabelece que as alíquotas para as operações internas são 25% para produtos supérfluos e 17% nos demais casos. Entretanto, o próprio enunciado da questão pede para que se já resolvido com base no Regulamento do ICMS, que é o Decreto nº 14.876/91. Nesse caso, deve-se aplicar o art. 25 do refrido ato normativo. No mesmo, as alíquotas não estão mais dispostas como na antiga Lei nº 10.259/89, havendo diversas alíquotas diferentes de 17% quando o produto não é supérfluo. Por exemplo, tem-se o previsto no art. 25, I, "e", item 2 que prevê alíquota de 12% para operações internas com: trigo, farinha de trigo, inclusive pré-mistura, e pão. O item 6, da mesma  alínea prevê também alíquota de 12% para veículos novos. O art. 25, I, "f", prevê alíquota de 7%, nas operações internas com produtos de informática (item 1) e gipsita, gesso e derivados (item 2). Já o item 3.1, da alínea "i", do inciso I, do art. 25 prevê alíquota de 8,5% para operações realizadas com óleo diesel.
Isso apenas demonstra que não há resposta possível na questão, pois não é possível, A PARTIR DO RICMS/PE, afirmar-se que, quando não se trate de produto supérfluo (produtos do anexo 6 do RICMS/PE), a alíquota interna em Pernambuco é de 17%.
Isso é um erro que a Banca Organizadora deve corrigir prontamente, para não passar qualquer mensagem à instituição contratante (Secretaria da Fazenda) de que está habilitando de forma incorreta os candidatos ao cargo de auditor, sem fazer a correta exegese da norma tributária.
Destaque-se que a razão vertente para que a questão DEVA SER ANULADA É QUE O ENUNCIADO DA QUESTÃO PEDE PARA QUE O CANDIDATO RESPONDA-A DE ACORDO COM O REGULAMENTO DO ICMS DO ESTADO DE PERNAMBUCO.
Assim, de acordo com o Regulamento do ICMS do Estado de Pernambuco (Decreto nº 14.876/91), não é possível haver resposta certa na referida questão em face dos itens II e IV que retratam situações com mercadorias tributadas e não supérfluas, mas sem indicar quais são essas mercadorias.
Como existe no RICMS/PE mais de uma alíquota aplicável para o produto não supérfluo, a despeito da previsão da Lei nº 10.259/89, e como a Banca Examinadora não solicitou que a questão fosse respondida de acordo com a Lei nº 10.259/89, PELO CONTRÁRIO, apontou diploma normativo específico para que a resposta fosse considerada, entendemos que há vício na formulação da questão, devendo a mesma ser anulada pela.
34. De acordo com que estabelece a Lei estadual nº 11.408/96, o local da operação ou prestação, para os efeitos de cobrança do imposto e definição do estabelecimento responsável, tratando-se de mercadoria ou bem, é:
RESPOSTA: D (o do domicílio do adquirente, quando não estabelecido, no caso de mercadoria ou bem importado do exterior)
35. De acordo com o que estabelece a Lei estadual nº 11.408/96, o ICMS incide sobre
RESPOSTA: C (entrada de mercadoria importada do exterior, por pessoa física ou jurídica, para qualquer finalidade, inclusive, em se tratando de pessoa física ou jurídica titular de estabelecimento, quando a mercadoria importada se destina ao uso ou consumo ou ativo permanente do respectivo estabelecimento).
36. Considerando-se o disposto na Lei nº 13.974/2009, em razão dessa transmissão (questão da transmissão de propriedade de bem imóvel como antecipação de herança)
RESPOSTA: B (haverá imposto a pagar ao Estado de Pernambuco, no valor de R$ 20.000,00).
37. QUESTÃO DE SÍLVIO, viúvo, que deixou três filhos herdeiros e uma herança de R$ 1.800.000,00.
RESPOSTA: A (R$ 18.000,00, por conta do montante recebido por Elisa, em razão da renúncia formalizada por Carlos)
38. QUESTÃO com diversas situações à análise da incidência do ICD.
RESPOSTA: B (Lucas, na qualidade de beneficiário do usufruto que lhe foi transmitido por Marcos e, consequentemente, de contribuinte do ICD devido em razão disso, deverá pagar R$ 1.800,00, devido ao Estado de Pernambuco).
39. De acordo com a Lei Estadual nº 10.849/92, considera-se ocorrido o fato gerador do IPVA, no Estado de Pernambuco, tratando-se de veículo:
RESPOSTA: E (de procedência estrangeira, e para efeito da primeira tributação, no momento da incorporação ao ativo permanente da empresa importadora, revendedora de veículos).
40. De acordo com a Lei Estadual nº 10.849/92, é isenta do IPVA a propriedade de:
RESPOSTA: C (embarcação pertencente a pescador profissional, pessoa física, utilizada na atividade de subsistência, comprovada por entidade representativa da classe, limitada a um veículo por beneficiário).
41. Para fins de aplicação do disposto no caput do art. 8º da Lei Estadual nº 11.514/97, "a autoridade fiscal proporá a aplicação da pena de multa partindo da pena básica estabelecida para a infração, majorando-a em razão das circunstâncias agravantes, provadas em cada caso", considera-se circunstância agravante a reincidência, que implicará acréscimo de:
RESPOSTA: A) 50% sobre o valor da multa aplicável, exceto quando a prática dessa nova infração ocorrer após cinco anos contados do período fiscal subsequente ao da verificação da primeira ou quando houver extinção integral do crédito tributário.
42. De acordo com o que estabelece a Lei Estadual nº 11.514/97, a imposição de multa ao infrator da legislação tributária estadual:
RESPOSTA: D (não dispensa o pagamento do imposto devido e demais acréscimos cabíveis, salvo nos casos previstos em lei).
43. De acordo com o disposto na Lei Estadual 10.654/91, inicia-se o processo administrativo tributário:
RESPOSTA: E (voluntariamente, por meio de contestação de reavaliação de bens sujeitos ao imposto sobre a transmissão "causa mortis" e doação de quaisquer bens e direitos).
44. De acordo com o disposto na Lei Estadual 10.654/91, no processo administrativo tributário estadual, é cabível:
RESPOSTA: B (recurso ao Secretário da Fazenda, por provocação do Procurador do Estado que funcione perante o Tribunal ou do Procurador-Chefe da Procuradoria da Fazenda Estadual, em razão de decisão proferida por autoridade julgadora ter deixado de aplicar ato normativo, ainda que sob a alegação de ilegalidade ou inconstitucionalidade, hipótese em que recurso visará exclusivamente à declaração, pelo Secretário da Fazenda, de nulidade da decisão proferida).
45. A Lei Estadual nº 11.904/2000, que disciplina a organização e o funcionamento do Contencioso Administrativo-Tributário do Estado – CATE, estabelece:
RESPOSTA: A (relativamente a cada Turma Julgadora, na condição de primeira instância, em sua ausência ou impedimento, o respectivo Presidente será substituído pelo JATTE da mesma Turma mais antigo no exercício do cargo ou, ocor-rendo igualdade desta condição, pelo mais idoso.




TJ-BA: Concurso vai oferecer 200 vagas para 2º e 3º graus. Edital em outubro


via Byline

Novidades para quem deseja participar do concurso para o Tribunal de Justiça do Estado da Bahia (TJ-BA). O número de vagas foi definido,  Serão 200 oportunidades distribuídas pelos cargos de técnico e analista judiciários, em funções dos níveis médio, médio/técnico e superior. As especialidades ainda serão divulgadas

Desse total de vagas, 107 serão para quem possui nível superior, 81 para os que têm nível médio e 12 para aqueles que possuem cursos técnicos. Além dessas 200 vagas imediatas, haverá formação de cadastro de reserva. Os cartórios serão o principal foco para lotação dos aprovados: cerca de 70% desses irão atuar nas repartições pelo Estado da Bahia.
As remunerações para os cargos de nível superior e médio também já foram definidas: serão vencimentos de R$5.117,24 e R$3.091,21, respectivamente. O edital completo do concurso segue em fase de elaboração junto com a Fundação Getúlio Vargas (FGV), empresa organizadora, e a expectativa é que ele seja lançado agora em outubro, com as provas realizadas no início de 2015. Mais informações devem ser divulgadas em breve.

De acordo com a Resolução nº8, que foi publicada no Diário da Justiça Eletrônico, no último dia 9 de julho, o certame será válido por dois anos e composto por três etapas, sendo: provas objetivas, provasdiscursivas - ambas de caráter eliminatório e classificatório - e, por fim, prova de títulos. Essa apenas de caráter classificatório. O último concurso realizado pelo TJ-BA foi no ano de 2006 e ofereceu 1.349 oportunidades. As funções com demanda de vagas no certame foram atendente judiciário, supervisor de expediente, subsecretário (estes exigiam nível superior em Direito), digitador, atendente de recepção, auxiliar de serviços gerais (médio completo) e oficial de justiça (qualquer diploma de nível superior).
Fonte: Folha Dirigida




Conexão Concurso: Alex Mendes desvenda os mistérios de Atualidades


via Byline


Alex Mendes (à direita), há mais de 15 anos atua como professor em cursos preparatórios virtuais e presenciais.Filosofia, Geografia e Economia. Esses são os três pilares da formação de Alex Mendes, que há mais de 15 anos atua como professor em cursos preparatórios virtuais e presenciais. Também é autor do livro MicroEconomia para Concursos.

Nesta entrevista ao Conexão Concurso, ele nos conta da sua trajetória e sua formação acadêmica diversificada, que permitiu que ele se tornasse uma referência no ensino da disciplina de Atualidades, cobrada em diversos concursos. A melhor estratégia para acompanhar assuntos atuais, como os recentes conflitos na Síria, a cobrança de princípios da Economia em provas de seleções e os desafios na preparação de concurseiros são outros temas da entrevista

Fonte: Folha Dirigida




Comissão apresenta estudos preliminares para concurso da DPE-PA


via Byline

A comissão responsável pela organização do próximo concurso público que será promovido pela Defensoria Pública do Pará concluiu e...




Projeto de lei cria 45 vagas para concurso no TRT de Brasília!


via Byline

TRT-10-região-Projeto-na-Câmara-dos-Deputados-cria-45-cargos

Está em andamento na Câmara dos Deputados o Projeto de Lei 7927/2014 , do Tribunal Superior do Trabalho (TST), cujo texto cria 45 cargos de analista judiciário, com especialidade em tecnologia da informação (TI), para o Tribunal Regional do Trabalho (TRT) da 10ª Região, com sede em Brasília.

Segundo o TST, a estrutura do TRT é carente de pessoal especializado na área de tecnologia da informação e que essa situação se agravou devido à implantação do processo digital em todas as unidades do primeiro e do segundo graus de sua jurisdição.

O projeto, que tramita em caráter conclusivo , será analisado pelas comissões de Trabalho, de Administração e Serviço Público; de Finanças e Tributação; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.

 

Gostou desta oportunidade? Prepare-se com o Gran Cursos e conquiste a sua vaga. Ao longo de 25 anos foram mais de 600 mil aprovados em concursos públicos. 

Cursos Online - Início Imediato

The post Projeto de lei cria 45 vagas para concurso no TRT de Brasília! appeared first on Gran Cursos Blog - O portal do concurseiro.




Fundação Carlos Chagas: Analisando a banca!


via Byline

Fundação-Carlos-Chagas-Analisando-a-banca

A fim de atender a necessidade e realidade de seus clientes, a Fundação Carlos Chagas (FCC) atua nos processos de seleção e no preparo e elaboração de instrumentos de medidas educacionais. A Fundação trabalha há quatro décadas em todo o território nacional, tendo avaliado mais de 74 milhões de candidatos em mais de 2,3 mil processos realizados para mais de 500 instituições, bem como realizado inúmeros projetos na área da pesquisa educacional.

Segundo o professor Granjeiro conhecer a banca é tão importante quanto os estudos. "A preparação de um candidato para concurso público exige não apenas conhecimento das matérias de prova, determinação férrea para estudar até o último momento e foco absoluto na meta final da aprovação. É preciso que ele conheça também a banca que vai aplicar a prova e como ela costuma abordar cada uma das disciplinas que farão parte do concurso, a fim de responder o que foi perguntado pelo examinador e não desperdiçar preciosos pontos com respostas divergentes do pensamento de quem elaborou as questões", declara.

 Histórico

A Fundação Carlos Chagas é uma instituição privada sem fins lucrativos, reconhecida como de utilidade pública nos âmbitos federal, estadual e municipal, dedicada à avaliação de competências cognitivas e profissionais e à pesquisa na área de educação. Fundada em 1964, expandiu rapidamente suas atividades, realizando, em todo o Brasil, exames vestibulares e concursos de seleção de profissionais para entidades privadas e públicas.

- Sobre as bancas

As bancas examinadoras são responsáveis pela elaboração, divulgação e organização do concurso público. Conhecer as particularidades de cada uma pode ser decisivo para o concurseiro conseguir alcançar sua tão almejada vaga, conhecendo seu estilo, exigência e níveis de dificuldade.

De acordo com alguns especialistas em concursos, para ser aprovado em uma seleção pública, não basta só focar na teoria. O mais importante, é a criação de uma grande intimidade com o perfil da banca organizadora. Por isso, separamos aqui as principais características da FCC Confira:

- Os concursos aplicados pela FCC tem dificuldade média, mas podem ter questões difíceis com alto grau de complexidade;

- As questões são de múltipla escolha, bastando ao candidato assinalar a alternativa correta, dentre as possibilidades;

- A prova de Português cobra interpretação de textos e questões de gramática;

- A prova de Direito exige conhecimento literal da lei;

- A prova de informática privilegia conhecimentos acerca do uso na prática dos computadores, ao invés de cobrar teoria;

- Tendência a trabalhar com questões do tipo "marque a alternativa INCORRETA";

- Temas recorrentes: Autores: Sérgio Buarque de Holanda, Gilberto Freyre, Marilena Chauí, Euclides da Cunha e outros.

 

Dica: Treine! Faça muitos simulados e aprenda como fazer uma redação para aumentar a resistência e reduzir o cansaço durante o processo seletivo.

Veja algumas provas aplicadas pela Fundação Carlos Chagas:

Nível Superior:

Nível Médio:

 

Serviço:

Horário de Atendimento:
de segunda a sexta-feira, das 10 às 16 horas

Contatos:

Telefone: (11) 3723-4388
Fax: (11) 3723-4325

 

Quer mais? Saiba tudo sobre o CESPE, FGV, VUNESP, IADES

 

Gran Sucesso e Bons estudos!

 

 

The post Fundação Carlos Chagas: Analisando a banca! appeared first on Gran Cursos Blog - O portal do concurseiro.




Cotas para negros em concursos de Porto Alegre sobem de 12% para 20%


via Byline

Novo projeto de lei foi aprovado nesta segunda (29) na Câmara da capital. Emenda que ampliava cotas para CCs, estágios e terceirizados foi negada.




SEFAZ-PE: Gabarito Extra Oficial – Contabilidade Pública


via Byline

Pessoal, considerando o arquivo no link a seguir segue o gabarito preliminar:

CASP – SEFAZ-PE

61. B
62. A
63. C
64. B
65. E
66. A ou C (caso ele considere que houve o registro do crédito antes quando do lançamento do tributo)
67. B
68. E
69. D
70. A

Vamos aguardar o preliminar e comentários completos

Cordialmente, Prof. Pacelli

The post SEFAZ-PE: Gabarito Extra Oficial – Contabilidade Pública appeared first on Estratégia Concursos.




SES-DF – Recurso de Atualidades – IADES [Prof Leandro Signori - Atualidades, Conhecimentos Gerais, Realidade Brasileira,...

Gabarito Extraoficial – Contabilidade Geral SEFAZ PE


via Byline

Olá, pessoal. A seguir, o gabarito extraoficial da prova de Contabilidade Geral do concurso de Auditor Fiscal da Secretaria da Fazenda do Estado de Pernambuco, certame realizado neste final de semana pela Fundação Carlos Chagas.

Abraços.

Gabriel Rabelo

gabrielrabelo@estrategiaconcursos.com.br

https://www.facebook.com/gabriel.rabelo.391

Questão 51. Fluxo de caixa.

Fluxo de investimento.

Investimento = 72.000 – 12.000 – 28.000 = – 32.000,00

Imobilizado = 364.000 – 168.000 = – 196.000,00 – 24.000 + 100.000 = – 120.000,00

Terrenos = 92.000 + 28.000 = 120.000,00 – 60.000,00 = 60.000,00

Fluxo de investimentos: 92.000,00 negativos.

Gabarito –  E.

 

 

Questão 52. Controle de estoques.

 

Compra Venda Saldo
Quanti Valor Unit Total Quanti Valor Unit Total Quanti Valor Unit Total
500 50 25000 500 50 25000
200 50 10000 300 50 15000
100 52 5200 400 50,5 20200
100 48 4800 500 50 25000
500 46 23000 1000 48 48000
CMV 600 48 28800 400 47,7 19080

CMV: 28.800 + 10.000 = 38.800,00.

Gabarito - B.

 

 

Questão 53. Venda de máquina.

Segundo  o CPC 27, o custo de um item do ativo imobilizado é equivalente ao preço à vista na data do reconhecimento. A diferença a prazo deve ser reconhecida como ajuste a valor presente.

 

Valor de aquisição  R$         650.000,00
Valor residual  R$         130.000,00
Valor depreciável  R$         520.000,00
Depreciação anual  R$            65.000,00
Depreciação 1,5 anos  R$            97.500,00
Valor contábil na venda  R$         552.500,00
Valor de venda  R$         500.000,00
Prejuízo na venda  R$            52.500,00

Gabarito - A.

 

54. A empresa Integral Holding S.A

PL Start-UP                        150.000.000,00

Aquisição pela Integral        40%

Lucro Start-UP                   30.000.000

Resultado de equivalência patrimonial   12.000.000 (40% x 30.000.000,00)

Investimentos 80.000.000 + 12.000.000 = 92.000.000,00

Gabarito - C.

 

55. Uma empresa aplicou R$ 120.000,00 em ativos financeiros…

1 – MANTIDO ATÉ O VENCIMENTO:

Neste caso, não há avaliação a valor justo. O título fica registrado "pela curva", ou "pelo custo amortizado", ou seja, pelo valor pago mais os rendimentos apropriados por competência.

Portanto, os mantidos até o vencimento serão avaliados por R$ 55.000,00 (50.000,00 + 10% de juros)

 

2 – DISPONÍVEL PARA VENDA FUTURA

Pelo rendimento:

D – Instrumentos financeiros "disponíveis para venda futura"   7.000

C – Receita de juros (resultado)                                           7.000

Pela avaliação a valor justo:

D – Instrumentos financeiros "disponíveis para venda futura" 3.000

C – Ajuste de Avaliação Patrimonial (PL)                                 3.000

Portanto,

Mantidos até o vencimento: 55.000,00

Disponível para venda futura: 80.000,00

Gabarito – A.

The post Gabarito Extraoficial – Contabilidade Geral SEFAZ PE appeared first on Estratégia Concursos.




Gabarito extraoficial – Custos – SEFAZ PE


via Byline

 

Olá, colegas. A seguir, o gabarito extraoficial da prova de Contabilidade de custos do concurso de Auditor Fiscal da Secretaria da Fazenda do Estado de Pernambuco, certame realizado neste final de semana pela Fundação Carlos Chagas (FCC).

 

A Cia Metais Pesados produz e vende um único produto…

56. O ponto de equilíbrio contábil da Cia. Metais Pesados é, em quantidade:

Resposta: Vamos calcular a Margem de Contribuição unitária (MCU), que é o Preço de venda menos os Custos Variáveis e as Despesas Variáveis.

Preço de venda unitário      200,00
Matéria prima -      12,00
Mão de obra direta -        6,00
Despesas variáveis -        3,00
Comissões 7% -      14,00
Impostos sobre vendas (20%) -      40,00
Margem de Contribuição unitária      125,00

 

Ponto de equilíbrio contábil = (custos fixos + despesas fixas) / MCU

Custos fixos indiretos                 18.000,00
Custos Fixos diretos                   6.000,00
Despesas fixas                 12.000,00
Total                 36.000,00

 

Ponto de equilíbrio contábil = $36.000,00 / $125,00 = 288 unidades

Letra D

.57. Sabendo que a Cia. Metais Pesados utiliza o método de custeio por absorção, o custo unitário da produção do mês de agosto de 2014 foi, em reais,

Resposta: No custeio por absorção todos os custos, fixos e variáveis, são apropriados aos produtos.

Vamos calcular:

Total Produção Unitário
Custos fixos indiretos                 18.000,00 2000                   9,00
Custos Fixos diretos                   6.000,00 2000                   3,00
Matéria prima                 12,00
Mão de obra direta                   6,00
Custo unitário                 30,00

 

Letra E

58. A Cia. Indústria & Comércio, ao analisar seus custos de produção…

Com base nessas informações, é correto afirmar que os custos Alfa e Gama, em relação ao produto Docemar, são respectivamente

Resposta: Alfa = Variável e Gama = fixo.

Letra C

59. A empresa Faz Tudo S.A. produz os produtos X, Y e Z.

Supondo que o objetivo seja a maximização do lucro da empresa Faz Tudo S.A., a ordem em que os produtos devem ter sua venda incentivada é, respectivamente:

Reposta: Precisamos calcular a Margem de Contribuição de cada produto, e incentivar os produtos com maior Margem de Contribuição.

Produtos X Y Z
Preço de venda (por unidade)            120,00      110,00       130,00
Custos Variáveis (por unidade) -           27,00 -      12,00 -       36,00
Despesas variáveis (por unidade) -           12,00 -      18,00 -       15,00
Margem de Contribuição                81,00         80,00          79,00

 

Os produtos com maior Margem de Contribuição são, respectivamente, X, Y e Z.

Letra A.

60. A Cia. Especializada S.A. produz os produtos A, B e C utilizando um único departamento.

Os custos unitários de produção dos produtos A, B e C, no mês de julho de 2014, foram, respectivamente, em reais

Resposta: Vamos calcular:

Produto Matéria prima MOD quantidade Horas MOD Horas total custos indiretos Custos indiretos unitário Custos unitários
A 100 200 2000 2 4000 1.400.000 700 1000
B 200 100 1000 1 1000 350.000 350 650
C 300 100 1500 2 3000 1.050.000 700 1100
Total 8000 2.800.000

 

Letra D

Um abraço

Luciano

The post Gabarito extraoficial – Custos – SEFAZ PE appeared first on Estratégia Concursos.




BNDES: Muitos benefícios e concurso agendado para 2015


via Byline

Atrativos não faltam para quem sonha com uma vaga no Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). Aqueles que já estudam para o próximo concurso, porém, não devem apenas acreditar que ingressarão em uma instituição que valoriza o seu servidor, mas ter a convicção disso. A pedido da FOLHA DIRIGIDA, o BNDES fez um levantamento dos benefícios que proporciona aos seus servidores, demonstrando que vale muito a pena o esforço de horas de preparação para alcançar uma vaga no banco. Segundo o banco, seus funcionários contam com um programa de assistência educacional, ou seja, auxílio-acompanhante, creche e ensinos fundamental e médio, plano de saúde (assistências médica, hospitalar e dentária) e vale-transporte, variável de acordo com a localidade.
Há direito ainda a plano de previdência complementar, por meio da Fundação de Assistência e Previdência Social do BNDES (Fapes), além dos auxílios-alimentação, de R$399,08, e refeição, de R$823,95, já divulgados anteriormente. Tudo isso somado ao status de atuar em uma das maiores e renomadas empresas públicas federais. As informações deixam claro que o BNDES preocupa-se em manter seus servidores satisfeitos, política que tem tornado seus concursos cada vez mais atraentes. E essa alta procura deverá se confirmar mais uma vez na próxima seleção, que já começa a ser pensada e preparada pelo banco.

Segundo o setor de Recursos Humanos (RH), a pesquisa do quadro de pessoal para mapear a necessidade já está em andamento, e a intenção é ter o edital publicado no segundo semestre de 2015. O banco ainda não informou quais cargos serão oferecidos, mas, de acordo com o RH, o concurso será para manter cadastro de reserva válido, e ocorrerá justamente por conta do fim do prazo de validade da seleção de 2012, no dia 12 de junho de 2015, levando a crer que serão oferecidas as mesmas funções desse certame.
Na ocasião houve vagas para técnico administrativo, de nível médio, e profissional básico, nas áreas de Administração, Análise de Sistemas - Desenvolvimento, Análise de Sistemas - Suporte, Arquitetura, Arquivologia, Biblioteconomia, Comunicação Social, Contabilidade, Direito, Economia, Engenharia e Psicologia, todos de nível superior. É possível que haja chances também para técnico de arquivo, de nível médio, cujo concurso já teve o prazo de validade encerrado. As remunerações são de R$3.906,86 para o técnico de arquivo, de R$4.148,82 para o técnico administrativo e de R$10.405,04 para o profissional básico.
Fonte: Folha Dirigida